SaaS: saiba como funciona o software como serviço11 min read

Sumário:

À medida em que o avanço digital acontece em todos os setores, assim também caminha a oferta de novas modalidades de serviços. Dentre elas, a SaaS (Software as a Service) é uma das que mais ganham espaço e notoriedade.

Graças à sua facilidade de uso, integração com o modelo de produção 4.0 e a conectividade que oferece, cada vez mais empresas e indústrias têm adaptado suas soluções a esse tipo de produto, tornando-os mais e mais utilizados.

Hoje já é bastante elevado o número de empresas que são inteiramente baseadas no modelo de comercialização SaaS: Google, Netflix e até mesmo nós da Audaces trabalhamos para oferecer soluções integradas, tecnológicas e intuitivas.

Quer saber mais sobre como o Software como Serviço funciona? Acompanhe este conteúdo do blog Audaces e saiba tudo sobre o assunto:

O que é SaaS (Software as a Service)?

O termo SaaS (do inglês Software as a Service, ou Software como Serviço em tradução) é um tipo de serviço baseado na web, ou seja, um serviço prestado de forma virtual ou eletrônica cuja tecnologia é hospedada pela empresa fornecedora, responsável pela manutenção, atualização e segurança dos dados.

A principal diferença do SaaS para modelos B2B ou B2C, por exemplo, é que o serviço prestado não necessita de um espaço físico e pode acontecer de forma remota, pela internet.

Isso garante não só a independência de quem usufrui do serviço, mas também um alto nível de acessibilidade e compartilhamento de informações, dois princípios-base da Indústria 4.0 – o novo modo de produção industrial.

Como funciona o SaaS?

Apesar de muitas vezes oferecerem soluções para problemas complexos, como a redução de custos invisíveis de uma confecção, por exemplo, o modo de funcionamento das soluções de SaaS é bastante simplificado.

Toda a operação depende da chamada cloud computing, ou computação na nuvem que, resumidamente, é o armazenamento e disponibilização de grandes quantidades de informações em servidores remotos, hospedados na internet.

É graças a essa tecnologia que os serviços de software como serviço são capazes de oferecer uma experiência totalmente digital e acessível por uma grande quantidade de dispositivos, eliminando as barreiras físicas que os softwares tradicionais impõem.

Então, basicamente, esse tipo de serviço funciona com base em assinaturas – o cliente paga um determinado valor periodicamente (o mais comum é que seja mensal ou anualmente) e obtém acesso às plataformas de operação das ferramentas.

A cobrança no modelo SaaS

Em se tratando de cobranças e pagamentos, as empresas de SaaS não fogem muito dos métodos de pagamento tradicionais. Por funcionarem com base em assinatura recorrente, é comum que o pagamento seja feito por cartão de crédito ou débito.

No entanto, também estão disponíveis métodos de pagamentos como boleto bancário e débito em conta corrente (a alternativa mais vantajosa da perspectiva das empresas que prestam esse tipo de serviço).

Um panorama sobre as empresas SaaS no Brasil

No Brasil, o cenário tecnológico-industrial vem gradativamente se adaptando às novas necessidades do mercado, especialmente no que diz respeito à transformação digital, à automatização e à Indústria 4.0.

Nesse contexto, as empresas que oferecem softwares como serviço estão em pleno crescimento – segundo dados de uma pesquisa feita pela SaaSholic, estados como São Paulo e Santa Catarina estão entre os que mais abrigam empresas desse segmento.

Estima-se que existam 5.500 empresas que oferecem esse tipo de serviço, o que, apesar de não representar um número tão elevado, demonstra que há o interesse no investimento em SaaS no Brasil.

Com o cenário pandêmico pressionando as empresas a adotarem medidas cada vez mais digitais, é esperado que esse número venha a aumentar consideravelmente até 2025.

Exemplos de SaaS

Empresas de SaaS estão em diversos segmentos do nosso dia a dia: desde a plataforma de streaming até mesmo às roupas que vestimentos em algum momento passaram por uma etapa de produção direcionada por um software.

Pensando nisso, separamos alguns exemplos de softwares as a service para você conhecer. Confira:

Empresas brasileiras

Como vimos, o Brasil está em plena ascensão em número de empresas e startups que oferecem serviços SaaS. Dentre as principais delas podemos citar:

  • Resultados Digitais (RD Station): serviço online de automação e marketing digital, o RD é referência em seu campo de atuação;
  • Clicksign: serviço de certificado digital e gestão de contratos virtuais;
  • Arquivei: serviço de cloud computing baseado no armazenamento de contratos e notas fiscais.

Empresas internacionais

Além do Brasil, outros países do mundo também possuem suas empresas de SaaS. Ao todo, calcula-se que o valor do mercado de SaaS mundialmente seja de U$158 bilhões. Aqui estão alguns exemplos de empresas internacionais desse tipo:

  • Adobe: em sua Creative Cloud, a plataforma Adobe oferece diversos serviços online de multimídia e criação, sendo uma das mais conhecidas e renomadas mundialmente;
  • Netflix: a plataforma de streaming de filmes e séries que tem mais de 40 milhões de usuários no mundo;
  • Salesforce: conhecida por suas soluções em CRM (customer relationship management ou gestão de relacionamento com o cliente em tradução), a Salesforce possui um SaaS mundialmente conhecido, o Sales Cloud;
  • Google: O mecanismo de busca mais conhecido e utilizado do planeta, a Google é uma empresa que possui diversos serviços online, a exemplo do G-suite, da Google Analytics e do Google Search Console.

Quais são as vantagens do SaaS?

Por toda tecnologia empregada nos softwares que funcionam com base na web, é inegável que eles proporcionam inúmeros benefícios para empresas e indústrias de todos os segmentos.

A seguir você conhece os principais deles:

Custos reduzidos

Por funcionarem em ambiente online, os SaaS dispensam a alocação de recursos muito específicos, como servidores físicos e máquinas exclusivamente dedicadas para o seu funcionamento.

Isso proporciona uma economia de recursos como custos de implantação e infraestrutura, que podem ser investidos em outros setores ou tecnologias.

Serviço customizado

A customização é uma das grandes vantagens das soluções de software como serviço. Tanto por meio de pacotes personalizados quanto pela customização de ferramentas, esse modelo de serviço é altamente flexível às necessidades do cliente.

Isso permite que as necessidades específicas do negócio sejam completamente atendidas, o que aumenta as taxas de sucesso e permite um crescimento acelerado.

Integração

A integração entre softwares SaaS é facilitada, se comparada aos softwares tradicionais – que exigem compatibilidade de hardware e software com o serviço integrado. Já nos softwares online, essa integração acontece por meio de APIs (Interfaces de Programação de Aplicativos).

Assim é possível aumentar ainda mais a eficiência das soluções adquiridas com integrações que a tornem ainda mais efetivas e otimizadas.

Software hospedado na nuvem

Como dissemos, os SaaS funcionam com base na tecnologia cloud computing, o que significa que todas ass informações e dados coletados e armazenados neles, assim como o próprio software ficam armazenados na nuvem, um servidor virtual.

Essa característica garante outro benefício aos SaaS, a facilidade de acesso. Por não necessitar de um espaço físico específico, os softwares virtuais podem ser acessados de qualquer dispositivo, em qualquer localização – sem que isso afete a segurança dos dados.

Atualizações feitas de forma automática

Uma característica negativa dos softwares tradicionais é a dificuldade de receber atualizações recorrentes de forma a manter o produto sempre em sua versão mais recente.

No entanto, esse é um problema que não acontece nos softwares online – por estarem o tempo todo conectados à web, são capazes de oferecer atualizações automáticas e constantes, facilitando não somente a operação, mas também a usabilidade do serviço.

PaaS, IaaS e BaaS: conheça outras modalidades de serviços

À medida em que a transformação digital avança, novas modalidades de negócios vão surgindo para absorver a demanda criada por ela, de forma que, dentro da própria modalidade SaaS já existem outros tipos de serviços baseados em cloud computing que oferecem soluções específicas.

É o caso dos chamados BaaS, IaaS e PaaS, cada um com suas características específicas:

  • PaaS: Platform as a Service ou Plataforma como Serviço é a utilização de plataformas hospedadas na nuvem para a criação de softwares personalizados;
  • BaaS: Banking as a Service ou Banco como Serviço é a disponibilização de serviços bancários por bancos digitais, que não possuem agência física, e só funcionam no ambiente virtual;
  • IaaS: Infrastructure as a Service ou Infraestrutura como Serviço é a alocação de infraestrutura de dados e TI em ambiente virtual.

Como atingir as metas utilizando um SaaS

Até aqui vimos que o investimento em tecnologias digitais é uma forma vantajosa de impulsionar o crescimento de uma empresa. Porém, o investimento sozinho em soluções SaaS não é garantia de retorno caso ele não seja bem utilizado.

É preciso ter em mente que, por se tratar de um modelo de serviço diferente, é preciso desapegar de algumas estratégias tradicionais e investir naquelas que são compatíveis com a realidade digital do mercado.

Se você deseja atingir suas metas e objetivos, aqui vão algumas dicas para alcançá-las:

Acompanhe a utilização do produto

A maioria dos softwares desse tipo são capazes de gerar relatórios de utilização, assim como outros dados específicos de utilização. O Audaces ISA, por exemplo, específico para o segmento da moda, é capaz de gerar relatórios em tempo real sobre o status de cada peça da coleção.

Acompanhar esses relatórios é uma estratégia eficiente na identificação de gargalos produtivos e na averiguação do funcionamento correto do serviço contratado.

Desenvolva estratégias para além do SaaS

Apesar de ser um grande otimizador de processos e um agente de transformação digital, os SaaS não devem ser as únicas fontes de estratégias de uma empresa. É preciso utilizá-los em conjunto com a inteligência de mercado para superar a concorrência e atingir as metas.

Reveja ações e métodos tradicionais

Como dissemos, nem todas as estratégias tradicionais se adaptam a um modelo de serviço SaaS. Por esse motivo, tenha em mente que será necessário revisar o plano de ação da empresa a fim de adaptá-las à nova realidade digital.

Obtenha feedbacks contínuos

Não há forma melhor de avaliar o sucesso de uma implementação de SaaS que obtendo feedback daqueles que o utilizam. Busque entender a usabilidade do serviço, seus pontos positivos e negativos.

Isso é importante porque, como você já sabe, os SaaS são personalizáveis e recebem atualizações constantes e, por meio dos feedbacks, eles podem ser ajustados às suas necessidades.

As aplicações do SaaS nas indústrias

O setor industrial, assim como o comercial, pode se beneficiar das soluções SaaS em todos os seus segmentos.

Graças às tecnologias agregadas nos softwares como serviço, tais como cloud computing, Big Data, IoT e outros recursos da Indústria 4.0, é possível otimizar os processos do setor, impulsionando o crescimento e a produção em pequena, média e larga escala.

Nas confecções, a Audaces oferece soluções voltadas especificamente aos gargalos produtivos das coleções, tais como o gerenciamento de coleções, o atraso na etapa técnica, o desperdício de matéria-prima no corte de moldes e outras dores específicas do segmento.

Já mencionamos o Audaces ISA, nosso gerenciador de coleções e Fashion PLM. Descubra todos os benefícios que ele agrega às confecções acessando o e-book a seguir:

Conclusão

A tecnologia SaaS é uma resposta direta à necessidade cada vez maior de digitalização – consequência do cenário pandêmico e da transformação digital iniciada pela Quarta Revolução.

Os softwares como serviço são uma solução moderna, tecnológica, intuitiva e integrada para entraves tradicionais, como a alocação de recursos e espaço físico e falta de alcance a um público cada vez mais dominante – os usuários virtuais.

Agora que você já sabe tudo sobre os SaaS e seus recursos, que tal aprender mais sobre a tecnologia industrial na moda? Acompanhe o blog Audaces e não perca nenhuma atualização de conteúdo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou deste artigo? Compartilhe

Buscando por algo?
Pesquisar

Mais Recentes

Mulher utilizando o fashion PLM Audaces Isa

O que sua confecção ganha ao fazer a integração de sistemas PLM e ERP?

Como a integração de sistemas como PLM e ERP impulsiona a eficiência e competitividade na moda, garantindo sucesso a longo prazo. Descubra!
Probador virtual en Shape U: guía de ropa para vender en línea

Guia para você vender mais roupas online

Para vender roupas online você precisa de estratégias. Por este motivo criamos um guia que ajudará seu e-commerce. Leia e saiba como!

Um guia completo de como funciona uma confecção de roupas

Existe um fascinante processo de como funciona uma confecção de roupas, desde a concepção inicial até a produção final. Entenda!

Tire suas dúvidas e saiba como ter a sua confecção de moda própria

6 cursos de modelagem que vão ajudar a melhorar seu desempenho

Confira a tabela de composição dos tecidos e conheça os mais utilizados

Conheça a multissolução Audaces360 e otimize a sua produção desde já!

Entenda o cenário atual e como se manter competitivo no mercado da moda

sobre o autor
Audaces
sobre o autor
Audaces

Artigos relacionados

Mulher utilizando o fashion PLM Audaces Isa

O que sua confecção ganha ao fazer a integração de sistemas PLM e ERP?

Como a integração de sistemas como PLM e ERP impulsiona a eficiência e competitividade na moda, garantindo sucesso a longo prazo. Descubra!
Probador virtual en Shape U: guía de ropa para vender en línea

Guia para você vender mais roupas online

Para vender roupas online você precisa de estratégias. Por este motivo criamos um guia que ajudará seu e-commerce. Leia e saiba como!

Um guia completo de como funciona uma confecção de roupas

Existe um fascinante processo de como funciona uma confecção de roupas, desde a concepção inicial até a produção final. Entenda!

Newsletter

Receba conteúdos e novidades Audaces Artigos, tutoriais e materiais educativos, enviados para seu inbox.

Ao cadastrar, você aceitará nossas Política de Privacidade

Newsletter

Receba conteúdos e novidades Audaces Artigos, tutoriais e materiais educativos, enviados para seu inbox.

Ao cadastrar, você aceitará nossas Política de Privacidade