Descubra os termos mais importantes da indústria com este dicionário de moda13 min read

Sumário:

Resumo:

  • O dicionário de moda permite que profissionais novos e antigos se atualizem quanto aos termos mais utilizados atualmente, tanto os consolidados quanto as inovações;
  • Ao manter-se informado corretamente sobre os termos, o profissional facilita sua própria comunicação, entende novidades com maior velocidade e acessa insights importantes;
  • O termo mais importante da produção em moda atualmente é assertividade. Ela reduz desperdício de tempo e dinheiro, agiliza a aprovação de peças e integra a equipe. E assertividade é Audaces360, faça o teste grátis agora!
Trial Audaces360 7 Dias

Ter um dicionário de moda é essencial para todo tipo de profissional, incluindo os estudantes da área. Se o conhecimento é base para um bom trabalho, terminologia é um elemento importante dessa base. Por isso, deve-se estudar a terminologia para atingir uma boa carreira.

São muitos termos que existem, claramente, mas acreditamos que os 95 que explicamos abaixo servem de bom começo. As palavras estão distribuídas em diferentes categorias, para facilitar a sua navegação. O material serve tanto para estudo quanto para consulta. Favorite este post no seu navegador!

Faça uma boa leitura!

Dicionário de moda: principais termos que você precisa conhecer!

Dicionário de moda é importante para a formação do profissional fashion.

Avant-garde

Termo de origem francesa. É um adjetivo referente ao que é de vanguarda, ou seja, que inova. Começou a ser usado com mais força nos meios políticos e artísticos a partir do século XIX.

Backstage

Termo em inglês para os bastidores, isso é, o que acontece por trás de tudo que estamos vendo, na produção. Durante um desfile, se refere aos camarins.

Book

Modelos apresentam seu trabalho com portifólios de foto, certo? Esse arquivo é chamado de book.

Casting

É a etapa de teste ou seleção de modelos para um trabalho, como representar uma marca na passarela.

Clipping

Quando se faz a seleção de materiais gráficos publicados e divulgados por marcas em qualquer mídia (como revistas e internet), o nome desse processo é clipping.

Collab

De collaboration, colaboração em inglês. É uma parceria entre uma marca de moda e outra, que não precisa ser de moda. Confira alguns exemplos.

Collection

A tradução literal para essa palavra é coleção, mas esse termo é usado em inglês para a parte conceitual da marca, para o conjunto de criações do profissional fashion.

Coleção Resort

Essa expressão se refere às coleções e peças conhecidas como meia-estação, ou seja, as que podem ser usadas entre as estações.

Customização

É a personalização de algo para que se torne algo novo, diferente, através de modificações, adaptações, repaginações e novas criações.

Dress Code

Código de vestimenta. É o termo que se refere às regras das vestimentas em cada local ou evento, como reunião de trabalho, happy hour, eventos de divulgação de coleção, entre outros.

Fast Fashion

A moda rápida é aquela feita a toque de caixa, em fluxo intenso, resultando em consumo e descarte.

Leia mais: Conheça 3 boas práticas para minimizar o impacto do consumismo na moda

Handmade

Artesanal, feito à mão. Toda peça que é feita à mão pelo profissional, sem o uso de márquinas ou no máximo as mais simples, como a de costura.

Hype

Quando há uma grande expectativa por algo, como um lançamento. Essa expectativa pode ser do público, da imprensa ou da própria empresa, mas então se refere “hype do grupo tal”.

Mainstream

O mercado mais popular, mais comum, de massa. Aquilo que é dominante na cultura, conhecido por todos.

Must Have

Uma peça muito especial que todo mundo “precisa ter”. Pode ser porque ela tem grande valor, porque é básica e combina com tudo, ou porque tem um vínculo emocional com você.

Plus Size

Segmento da moda focado em pessoas com medidas acima do corpo padrão, como peso e busto.

Preview

Pre é pré e view é visualizar. Assim, significa pré-visualização, como de uma peça, antes dela ser fabricada.

Shape

Significa forma em inglês e é usado para modeladores, formas, formatos e silhuetas.

Silhouette

Se refere à silhueta, contorno, de um corpo ou, de um coleção ou movimento, por exemplo.

Slow Fashion

Slow fashion é a proposta antítese para o fast fashion. Estimula a criação e o consumo de peças aos poucos, sustentável, sem pressa, focadas em qualidade, não em quantidade. Inclui os brechós.

Stylist

Cuidado, stylist não é estilista. Ele trabalha junto ao etilista para criar imagens de moda e produzir a composição de moda, os efeitos de passarela, entre outros, mas não é a mesma coisa.

Tailoring

Tailoring é, literalmente, alfaiataria, mas se refere mais a peças feitas sob medida, com precisão e complexidade.

Trend

Tendência, ou seja, direção para a qual a moda se movimenta.

Trendsetter

Aqueles que apontam, definem ou mostram tendências. Entenda melhor quem são os trendsetters.

Upcycling

É uma proposta anti-consumista e sustentável. Se refere a dar novo propósito a materiais que seriam descartados.

Quais são os tecidos e materiais mais usados na indústria?

Dicionário de moda também é oportunidade de conhecer novos tecidos e novas estampas.

Canelado

É aquele tecido que possui trama em alto e baixo relevo, gerando uma textura listrada, com estrias ou canaletas. Geralmente se vê em barras e punhos, mas pode ser visto em peças inteiras também.

Canutilho

Canutilhos são, literalmente, pequenos canudos. É um tipo de ornamento usado para decorar roupas, acessórios e sapatos.

Cetim

Esse tecido leve, liso e muito elegante, mistura seda e lã. É brilhante. Tem origem chinesa. Conheça melhor o cetim.

Crepe

O crepe tem nome de origem francesa, “crêpe”, significa “crespo”. É granulado, leve, tem pequenas ondulações, uma grande diversidade de espessuras e texturas, e muitas cores possíveis.

Devorê

Também conhecido como burnout ou tecido etch, é o nome do processo químico de destruição de um componente de um tecido, resultando em um material com áreas transparentes e relevos.

Estonagem

É o processo de desbotar um tecido para dar a ele características de usado e velho.

Ferragens

Ferragens se refere a peças e componentes de acessórios e roupas que sejam feitas de ferro, como botões, zíperes, etc.

Ilhós

É o nome de um aviamento de forma arredondada com um orifício no centro e serve para passar ar, água, ou cordões em acessórios, móveis, roupas, calçados etc.

Jacquard

É o nome que se dá a certas padronagens complexas de entrelaçamento, tal como em malharia em jersey duplo ou tecelagem.

É a matéria-prima animal usada para fazer tecidos. Sua origem natural é de animais como ovelhas, lhamas e animais semelhantes.

Lurex

É o nome popular para uma malha que tem fios metálicos envolvidos em poliamida ou poliéster. Sua origem é a marca registrada Lurex, que popularizou esse tipo de fio depois de criá-lo em 1946.

Musseline

É um tecido de origem indiana, era feito com seda e hoje em dia é feito com algodão. Seu uso mais comum é nos uniformes de balé, os tutus, mas é super versátil, sendo usado para fazer vestidos, saias e roupinhas de bebê. Conheça mais sobre o tecido musseline.

Paetê

Paetês são como lantejoulas, mas achatados e lisos, com orifício no meio para ser aplicada em roupas e acessórios.

Pedraria

Termo usado para o tipo de decoração em roupas que utiliza pedrinhas, como brilhantes comuns a joias mais caras.

Renda

É um tipo de tecido delicado feito de fio ou linha, traçado de forma a deixar espaços entre os ornamentos, tais quais como em teias, por exemplo. Também pode ser feito de couro, algodão, seda, ou qualquer outro material. Pode ser ainda usada como guarnição em vestidos, acessórios etc.

Seda

Tecido feito do fio ou da substância seda, que possui origem animal. Essa substância é extraída do casulo do bicho-da-seda ou dos fios produzidos por esse animal.

Strass

É outro nome para a pedraria, os pequenos cristais que dão brilho a uma peça de roupa.

Tafetá

É o nome de um tecido muito usado em moda de festa. É conhecido como tecido de nobreza, muito usado na antiguidade, e hoje é usado com elastano.

Veludo

É um tecido feito de seda ou algodão cuja textura por fora é coberta de pelos macios, curtos, acetinados, e por dentro lisa.

Principais estilos e tendências para você ficar por dentro

Alfaiataria

É o nome da técnica usada pelo alfaiate, que confecciona peças sob medida. Seu trabalho também envolve ajustes e é normalmente ligado a ternos, camisas sociais e calças de linho.

Alta Costura

Termo que se refere a roupas de alto-luxo. Uma peça só pode receber esse reconhecimento se assim decidido pelo Ministério da Indústria Francesa.

Andrógino

O que mistura características masculinas (andro) e femininas (gino). Pode se referir a pessoas com ambas as características ou a roupas afeminadas do segmento masculino e masculinizadas no segmento feminino.

Boho-chic

É um estilo bastante específico. Mistura o étnico, o boêmio, o punk, o vintage e o hippie.

Boyish

Vem da palavra boy, menino, em inglês. É usado para caracterizar estilos masculinizados ou looks que são montados com mais peças masculinas do que outras.

Casual Wear

É o estilo comum, casula, despojado, simples e arrumado de se vestir. Moda para usar no dia a dia, em momentos comuns.

Destroyed

Do inglês, destruído. É um efeito utilizado em peças, aplicado através de várias técnicas, para dar esse aspecto. Geralmente utilizado em jeans.

Étnico

Vem de etnia. É usado para se referir a aspectos e peças típicas de uma região, país, cultura, etnia, raça etc.

Hi-lo

Vem das palavras em inglês high (alto) e low (baixo). São looks que combinam peças caras e peças mais econômicas, misturando até mesmo peças novas e tecnológicas com aquelas vintages.

Navy

De autoria da Coco Chanel, é um estilo inspirado nos marinheiros franceses, com listras e cores vermelho e azul sendo suas principais características.

Patchwork

Em português, é o que popularmente chamamos de remendado. É uma peça feita artesanalmente com pedaços de tecido diferentes ou ao menos de cores diferenciadas, costurados entre si.

Prêt-a-porter

São roupas compradas prontas, significa “pronto para vestir”.

Retrô

Quando se cria peças novas com estilo antigo. Semelhante ao estilo vintage.

Sobreposição

Formação de novos looks através da sobreposição de peças que você já possui no seu guarda-roupa.

Street Style

Looks urbanos e composições do dia a dia que viram tendência. É um movimento da rua para a indústria, em vez de o contrário, como normalmente acontece.

Streetwear

Estilo de roupa que segue o street style. Veja o significado no verbete acima.

Tie Dye

É o nome do processo de estamparia geralmente utilizado na produção artesanal. Significa amarrar e tingir.

Vintage

É um estilo de roupa que tem o objetivo de recuperar o antigo.

Peças e detalhes importantes para o profissional da moda

Ankle Boot

Botas de cano curto. Ankle é tornozelo e boots é botas em inglês.

Balonê

Roupas com corte franzido, presas na parte inferior, tal qual como um balão. Normalmente são saias e vestidos.

Borla

É o nome usado para franjas, tufos de fios e pompons que ficam penduradas nas bordas das peças.

Bottom

Peças da parte inferior do corpo, como calças e saias.

Cache Coeur

É o nome de um tipo de corte de roupas da parte superior do corpo onde o decote transpassa a região peitoral.

Cargo

Roupas cujo estilo se inspira em uniformes militares, como as que usam vários bolsos e modelagem ampla.

Chemise

Vestidos que se parecem bastante com camisas compridas, mas com modelagem diferenciada.

Clutch

É um tipo de bolsinha de mão. Em francês, é a pochette.

Cuissardes

Botas de cano comprido que ultrapassam a altura do joelho.

Evasê

Corte de roupas que se abrem na parte inferior.

Obi

Antigamente, era o cinto que amarra os quimonos japoneses. Porém, hoje em dia indica as tiras largas de tecido, couro, ou outro material que dá duas voltas na cintura e amarra com um nó na frente.

Top

Qualquer roupa da parte de cima do corpo, como miniblusa, jaqueta, camiseta.

Trench Coat

Tipo de casaco que fica na altura do joelho ou um pouco a mais, geralmente utilizado no inverno chuvoso. É inspirado nas roupas de soldados.

Cores e estampas mais usadas em coleções de moda

Animal Print

Animal é, literalmente, animal. Print é, em inglês, estampa. Assim, são as estampas de animais, tal qual como em blusas de oncinha.

Azul Klein

Tipo de azul criado pelo estilista Yves Klein.

Chevron

Em francês, significa espinha de peixe. Se refere a um padrão de estampa em zigue zague, lançado pela grife italiana Missoni.

Color Block

Bloco de cores. Uma tendência que mistura cores vibrantes no mesmo look.

Floral Liberty

É um tipo de estampa floral delicado e vintage, popular entre mulheres famosas e da realeza.

Matte

Se refere a cores foscas. Ou seja, sem brilho, opacas e geralmente com efeito aveludado.

Nude

Cor de pele, se referindo aos diferentes tons de pele humana, independente se caucasiana, negra etc.

Off-White

Tom neutro, quase branco, muito comum em vestidos de noiva.

Poá

São os famosos tecidos com estampa de bolinhas.

Ton Sur Ton

Vem do francês “tom sobre tom” e é a técnica que utiliza uma cor específica em diversos tonalidades para decorar uma roupa, móvel ou espaço.

Xadrez

É um padrão ou estampa composto por listras horizontais e verticais, cruzadas, formando retângulos, losangos ou quadrados.

O que é indústria 4.0 na confecção?

Indústria 4.0 é um termo que se refere à digitalização de tarefas da manufatura. É uma revolução na busca por resultados industriais ao combinar inovações tecnologias para otimizar ou automatizar processos que, antigamente, eram feitos apenas por mãos humanas ou por máquinas de processos quase que totalmente analógicos.

A quarta revolução industrial abraça toda a introdução de dispositivos inteligentes no processo de produção. E isso não é diferente na indústria fashion. No entanto, o conceito de indústria 4.0 na confecção é complexo demais para colocar em um verbete de dicionário de moda.

Descubra tudo sobre como funciona a moda 4.0 no e-book gratuito abaixo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou deste artigo? Compartilhe

Buscando por algo?
Pesquisar

Mais Recentes

Costura digital em software de moda

6 benefícios da costura digital para aplicar na sua confecção

A costura digital revoluciona a moda com tecnologia e eficiência na produção de vestuário. Descubra como agora!
como trabalhar com moda: mulheres em ambiente de trabalho fashion

Conheça as oportunidades de carreira na moda e saiba qual seguir

Criatividade, técnica e influência são essenciais para quem deseja saber como trabalhar com moda. Explore os bastidores deste universo!
Mulher crando desenhos rápidos de forma tecnológica

Por que fazer desenho rápido para suas coleções de moda?

Os desenhos rápidos de moda são essencial para inovação e eficiência na criação de coleções, adaptando-se às demandas do mercado. Saiba mais!

Tire suas dúvidas e saiba como ter a sua confecção de moda própria

6 cursos de modelagem que vão ajudar a melhorar seu desempenho

Confira a tabela de composição dos tecidos e conheça os mais utilizados

Conheça a multissolução Audaces360 e otimize a sua produção desde já!

Entenda o cenário atual e como se manter competitivo no mercado da moda

sobre o autor
Audaces
sobre o autor
Audaces

Artigos relacionados

Costura digital em software de moda

6 benefícios da costura digital para aplicar na sua confecção

A costura digital revoluciona a moda com tecnologia e eficiência na produção de vestuário. Descubra como agora!
como trabalhar com moda: mulheres em ambiente de trabalho fashion

Conheça as oportunidades de carreira na moda e saiba qual seguir

Criatividade, técnica e influência são essenciais para quem deseja saber como trabalhar com moda. Explore os bastidores deste universo!
Mulher crando desenhos rápidos de forma tecnológica

Por que fazer desenho rápido para suas coleções de moda?

Os desenhos rápidos de moda são essencial para inovação e eficiência na criação de coleções, adaptando-se às demandas do mercado. Saiba mais!