Descubra já como precificar roupas que a sua empresa produz!11 min read

Sumário:

Resumo

  • O empreendedor que não sabe como precificar roupas corre sérios riscos de ter prejuízo, perder de lucrar e ainda afastar o público-alvo que não perceber o valor da sua marca;
  • A escolha do preço é objetiva e estratégica, precisa ser feita colocando tudo na ponta do lápis, mesmo que isso signifique lucrar por peça menos do que se gostaria;
  • É possível fazer análises completas do custo de produção de cada coleção e ainda aumentar a lucratividade ao reduzir o desperdício com material e tempo. Para isso, você precisa do Audaces360. Faça o teste grátis e descubra!
Trial Audaces360 7 Dias

Empresários da moda, principalmente os iniciantes, costumam perder muito dinheiro por não saber como precificar roupas. Mas com tanto acesso à informação que a internet proporciona, escolher preços no “feeling” não possui mais justificativa. Você precisa de estratégia.

Há várias formas de precificar uma coleção. E todas elas podem ser trabalhadas em conjunto para que você chegue na resposta certa para esse cálculo. No entanto, o estudo e a prática constantes são o único jeito de manter os preços realistas conforme seu momento de marca e a economia.

Você pode basear seu preço em 3 pontos principais. E, depois, deve trabalhar a percepção de valor do seu público para que ele entenda por que faz sentido que sua coleção seja cobrada como é. Na verdade, ele não só verá sentido como se sentirá inclinado a comprar.

Faça uma boa leitura!

O que é precificação?

A precificação se refere à escolha do preço de um produto ou serviço. Muitas pessoas acham que esse processo possa ser feito apenas no feeling ou calculando quanto querem lucrar. Essa conclusão é problemática, pois leva muitos empresários a erros que podem comprometer um negócio.

Há profissionais que trabalham com pesquisa e estratégias bastante complexas, inclusive, para chegar no preço de cada coleção. No entanto, hoje você aprenderá o básico para que se sinta seguro com cobranças justas para o cliente e lucrativas para o seu negócio.

Aprender como precificar roupas é importante para manter seu negócio lucrativo.

Qual é a importância da precificação?

Saber como precificar roupas dá ao empresário poder estratégico sobre o presente e futuro da empresa. Afinal, são os preços quem ditarão o valor do faturamento final, conforme os números de vendas. Isso é, pense nos futuros concorrentes que resolveram cobrar caro e acabaram afugentando clientes.

Aprender sobre precificação permite equilibrar as despesas da produção, descobrir a média dos valores praticados e o lucro que sua empresa receberá. Também dá previsibilidade financeira sobre o futuro da sua empresa e se torna possível estabelecer estratégias com precisão e inteligência.

Administrar um negócio envolve uma sequência enorme de contas para pagar. E como você saberá se a empresa está dando lucro ou, se houver prejuízo, de onde está vindo o problema?

A precificação ajuda a identificar vendas que estão sendo muito mais baratas ou mais caras do que seu público está disposto a pagar.

Como precificar roupas? Veja 3 formas práticas

Listamos abaixo 3 tipos de precificação. Todos eles, individualmente, possuem prós e contras. O ideal é que você aplique ambos. A decisão de um preço é altamente estratégica e complexa, indo além de um simples desejo de lucro ou competitividade.

Precificação baseada na concorrência

Essa estratégia de estabelecimento de preços é bastante comum. Você estuda marcas de roupa que têm o mesmo público-alvo e a mesma proposta que a sua, e escolhe um valor competitivo. Essa tática possuem uma vantagem e uma desvantagem bem claras.

A vantagem é justamente a competitividade. Se sua empresa e a concorrência apelam para o mesmo público, mas você oferece um preço mais baixo, por exemplo, suas coleções podem ficar mais atrativas para o público.

A desvantagem é que, mesmo se oferecer o mesmo produto para as mesmas pessoas, a sua marca e as dos concorrentes ainda não são a mesma. Cada empresa possui uma realidade diferente porque há todo um investimento em outras áreas além de desenvolvimento de produto que podem justificar o preço estabelecido.

Precificação baseada na demanda

Outra forma de precificar as suas coleções é considerar a opinião do seu público. Isso significa fazer pesquisas precisas, testar preços e modificar conforme a resposta do público. As vendas e as avaliações do público é o que servirão de termômetro para saber se você está no caminho certo ou errado.

O problema desse tipo de precificação é que deixa tudo volátil. Até porque as pessoas, na maior parte das vezes, sempre querem pagar o mínimo possível. Logo, se for sempre escutar o público de forma literal, seus preços vão lá embaixo. Porém se você realmente perder muitos clientes por cobrar caro, vale a pena reavaliar suas estratégias.

Precificação baseada nos custos

Por fim, existe a precificação que se baseia nos custos. Isso é, você coloca no papel tudo o que paga por cada peça vendida e bota sua margem de lucro em cima. Esse tipo pode ser bastante efetivo se você for estratégico.

Muitos cometem um erro grave aqui. Os custos de uma peça não são apenas a matéria-prima. Tudo o que é pago pela empresa para que a roupa chegue na mão do cliente deve ser calculado. Luz, mão de obra, transporte, nada pode ser esquecido.

Como precificar roupas com valor?

Você já percebeu que há marcas de roupas que cobram preços elevadíssimos por peças de qualidade razoável e design não tão revolucionário? E que, mesmo assim, elas alcançam números altos de faturamento e lucro, assim como destaque na mídia?

Isso é possível porque essas empresas investem na percepção de marca. Ou seja, elas possuem um estilo, uma mensagem, e divulgam suas ideias enquanto criam conexões com o público-alvo. Essa estratégia é seguida por diversos mercados, mas na moda, todo mundo deve aprender a fazer.

O branding é um conceito de marketing que se aplica nessa história e usa uma premissa simples. O público-consumidor já não compra produtos e serviços há muito tempo, ele compra ideias. A conexão com a marca é mais importante do que qualidade e preço muitas vezes.

Dentro do mundo da moda, essa realidade é ainda mais forte. Há muita marca no mercado de boa qualidade competindo lado a lado. Sendo assim, se ambas empresas X e Y vendem camisetas do mesmo material, com a mesma resistência, o que leva uma pessoa preferir uma ou outra? A resposta é lifestyle.

A identificação e a conexão com a marca são fundamentais para vender bem nessa indústria. E você conquista isso através de estudos fortes sobre o seu público-alvo e investimento em marketing efetivo. Ao atingir esse ponto, é possível ver na internet até pessoas divulgando seus produtos sozinha, sem precisar de qualquer estímulo.

Preço e valor são diferentes – e os dois são importantes

Como precificar roupas de maneira eficiente?

Há 5 dicas muito importantes para quem quer aprender como precificar roupas de maneira eficiente. No entanto, elas são ideias gerais, que funcionam para todos, mas que precisam ser aplicadas de forma adaptada para cada caso.

Não faça só cálculos aproximados

A venda de uma peça de roupa envolve muitos custos. Sim, o tecido e outras matérias-primas são importantes, mas eles são apenas o começo de uma lista inteira. Há máquinas a serem compradas e receber manutenção, consumo de energia elétrica e a entrega das roupas. A mão de obra e seu investimento em expertise para criar a peça e tocar o negócio também não foram de graça.

Considere as variáveis

Há muitas contas que variam de um mês para o outro. É um erro muito grande fazer a precificação do seu produto se baseando apenas no menor custo possível. Coloque na conta as possiblidades de imprevistos, aumento de preço da matéria-prima e contratação de colaboradores, por exemplo.

Se quiser um exemplo forte de imprevistos, veja a crise dos semicondutores da indústria de produtos eletrônicos. A pandemia e a alta demanda por esse elemento fez grandes fábricas de eletrodomésticos, carros e videogames pararem completamente.

Porém, boa parte dessas empresas já haviam precificado os produtos considerando uma margem de problemas. Assim, os prejuízos foram mitigados conforme cada caso.

Faça uma análise de mercado detalhada

Conhecer seu público, sua concorrência e a realidade geral do seu mercado são imprescindíveis para uma precificação correta. Tem pessoas que simplesmente não pagarão a mais do que pagam aos seus concorrentes e outras que, se você cobrar menos, suspeitarão da qualidade, por exemplo.

Estude o perfil dessas pessoas e quem você quer atingir. Entenda contra quem você está competindo e como eles conseguem vender com o preço que escolhem. Por fim, conheça as volatilidades dos custos que você encontrará no mercado como, por exemplo, os da matéria-prima.

Valorize seus artistas

Roupas não são apenas utilitários. O desenvolvimento de cada peça envolve um processo criativo por trás. Há conceitos e sonhos de um estilista ou modelista aplicados em uma coleção. E, enquanto arte não tem preço, tem valor. Cobre pela obra de arte que cada cliente leva para casa.

Inclusive, é possível conscientizar o público sobre o trabalho artístico envolvido em cada criação. Isso ajuda na percepção de valor por parte dos clientes, que entenderão que não são apenas roupas. São obras criativas.

Gere autoridade sobre sua marca

Da mesma forma que é importante pensar na arte, lembre-se que uma marca de roupas também está viva. Ela tem um estilo de vida, inspirações, cria, segue e quebra tendências, e se conecta com pessoas.

Essa conexão que a sua marca cria pode ser refletida no preço da sua coleção. No final das contas, cria-la também pediu investimento financeiro, fazendo parte do seu custo de produção.

Veja uma explicação mais detalhada do cálculo e um exemplo prático em nosso e-book:

Como a Audaces360 pode ajudar na precificação de roupas?

Audaces360 é a multissolução que otimiza a precificação enquanto aumenta a rentabilidade do seu negócio. Que tal parar de desperdiçar tecido, tempo e dinheiro, enquanto aprimora seu processo de produção, nunca mais perde um prazo de entrega e aumenta seu controle sobre a coleção?

Entre as diversas soluções, 3 em especial trazem a possibilidade de estabelecer preços realistas para a sua coleção. Com elas, você obtém dados mais precisos e aumenta a previsibilidade e a assertividade da produção. Conheça:

Audaces Idea

Essa máquina poderosa automatiza o pré-custo, a ficha técnica e o desenho técnico das suas produções. Assim, conforme você cria e mexe na sua peça, obtém automaticamente o quanto cada modificação custará na coleção final. Ao invés de precificar contando com “acho que gastarei x cm de tecido”, tenha objetividade e assertividade no seu trabalho.

Audaces Isa

Gerenciar a sua coleção com assertividade garante que tudo saia como planejado. A precificação de um produto leva em consideração o custo fixo com margem para variações, mas e se elas deixassem de existir? A gestão otimizada garante que nenhuma peça saia com erro ou diferente do planejado, mantendo o custo previsto durante as etapas de planejamento.

Audaces Encaixe e Audaces Supera

Quanto tempo você já perdeu estudando seus cortes até chegar em encaixes que aproveitassem bem o tecido sem prejudicar o planejamento da coleção? Pois é, esse desperdício de tempo simplesmente some com o Audaces Encaixe, que descobre automaticamente quais são os encaixes com o máximo de aproveitamento de tecido.

E esse processo ainda pode ser acelerado e automatizado para a coleção inteira com o Audaces Supera.

Só que não para por aí! Audaces360 possui ainda mais soluções que aumentam a assertividade da sua coleção, diminuem desperdício de tempo e dinheiro na produção e deixam você livre para fazer o que depende só de você. Isso é, criar coleções incríveis e administrar o sucesso do seu negócio.

Faça o teste grátis agora!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou deste artigo? Compartilhe

Buscando por algo?
Pesquisar

Mais Recentes

Mulher utilizando o fashion PLM Audaces Isa

O que sua confecção ganha ao fazer a integração de sistemas PLM e ERP?

Como a integração de sistemas como PLM e ERP impulsiona a eficiência e competitividade na moda, garantindo sucesso a longo prazo. Descubra!
Probador virtual en Shape U: guía de ropa para vender en línea

Guia para você vender mais roupas online

Para vender roupas online você precisa de estratégias. Por este motivo criamos um guia que ajudará seu e-commerce. Leia e saiba como!

Um guia completo de como funciona uma confecção de roupas

Existe um fascinante processo de como funciona uma confecção de roupas, desde a concepção inicial até a produção final. Entenda!

Tire suas dúvidas e saiba como ter a sua confecção de moda própria

6 cursos de modelagem que vão ajudar a melhorar seu desempenho

Confira a tabela de composição dos tecidos e conheça os mais utilizados

Conheça a multissolução Audaces360 e otimize a sua produção desde já!

Entenda o cenário atual e como se manter competitivo no mercado da moda

sobre o autor
Audaces
sobre o autor
Audaces

Artigos relacionados

Mulher utilizando o fashion PLM Audaces Isa

O que sua confecção ganha ao fazer a integração de sistemas PLM e ERP?

Como a integração de sistemas como PLM e ERP impulsiona a eficiência e competitividade na moda, garantindo sucesso a longo prazo. Descubra!
Probador virtual en Shape U: guía de ropa para vender en línea

Guia para você vender mais roupas online

Para vender roupas online você precisa de estratégias. Por este motivo criamos um guia que ajudará seu e-commerce. Leia e saiba como!

Um guia completo de como funciona uma confecção de roupas

Existe um fascinante processo de como funciona uma confecção de roupas, desde a concepção inicial até a produção final. Entenda!

Newsletter

Receba conteúdos e novidades Audaces Artigos, tutoriais e materiais educativos, enviados para seu inbox.

Ao cadastrar, você aceitará nossas Política de Privacidade

Newsletter

Receba conteúdos e novidades Audaces Artigos, tutoriais e materiais educativos, enviados para seu inbox.

Ao cadastrar, você aceitará nossas Política de Privacidade