Audaces - We are the industry 4.0

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

26/03/2014

Dez temas para o futuro das marcas (parte II)

No post anterior – Dez temas para o futuro das marcas – falamos sobre os cinco primeiros temas que as empresas devem pensar e que podem auxiliar no traçado do futuro da marca. Abaixo, descrevemos mais dois pontos que merecem atenção e reflexão:

6. A comoditização da moda
A moda nasce como um fenômeno de elites que, com o advento da cultura de massa, expressa o espírito de um tempo, sendo um dos sinais mais imediatos das mudanças sociais, políticas, econômicas e culturais, tornando o terreno fértil para a moda penetrar em praticamente todos os estratos da sociedade.

As cadeias fast fashion encarnam perfeitamente este espírito. Reciclam tendências, difundem e, normalmente, não são geradoras de moda. Mas são responsáveis pelo que definimos de comoditização da moda, pois a divisão entre básicos e não-básicos deixará de existir. Conserva-se o estilo, as formas, copiam-se materiais e texturas, mudam-se aqueles pontos essenciais que possam representar um risco comercial.

As marcas sentem-se aprisionadas numa espiral em que é necessário incrementar o valor dos produtos sem o poder refletir no preço. As séries limitadas impõem-se como resposta à comoditização da moda e têm uma grande aceitação para quem quer fugir do processo de massificação. As principais insígnias continuarão, porém, a evidenciar a força da sua proposta de valor, “vestindo” de forma eficiente a pele das marcas e tornando-se, em muitos casos, para o grande público, indistinguíveis delas.

 

Marcas de moda devem alguns critérios que podem indicar um caminho em direção ao futuro/ Reprodução

 

7. A antimoda
O ato de vestir e, como consequência, a escolha do vestuário, é um poderoso elemento de comunicação e de socialização antes de existir formalmente como moda. Era a teoria do trickle-down effect, ou seja, a propagação por imitação desde o topo até baixo. As novidades poderiam até nascer num estrato mais baixo, sempre que alguém do topo as tivesse homologado.

Os movimentos, desde os hippies até aos punks, foram a expressão da negação do sistema. No seu momento foram a antimoda como é o da minissaia feminina, que significou a ruptura dum sistema de valores e reputação familiar.

A moda aprendeu a fazer da antimoda a sua fonte de inspiração, ou melhor, de renovação de energia. Hoje, aquelas tesouradas radicais nas saias só têm significado social em países subjugados a regimes teocráticos ou de controle repressor. No Ocidente significam apenas uma variável considerada pelos estilistas nas suas coleções. O punk pode ser encontrado no destroyed dos jeans. E o hippie no délavé das malhas e camisas, assim como na recorrente inspiração indiana.

A antimoda do início do século XXI será a atemporalidade, o racionalismo extremo e até, entre determinadas camadas da população, a indiferença. A diminuição na velocidade de lançamento de coleções; a valorização dos produtos icônicos das marcas; a produção de um vestuário mais “inteligente”; o aumento do consumo de vestuário em segunda mão; a revalorização das componentes nacionais, são todos cenários que podem emergir, representando uma virada total em relação a última década, sinais duma sociedade que se manterá dividida entre a mudança civilizacional e a conservação do statu quo.

Por Ana Luiza Olivete
Designer de Moda, Professora e Consultora Empresarial

Fonte
AGIS, Daniel; BESSA, Daniel; GOUVEIA, João; VAZ, Paulo. Vestindo o Futuro: Microtendências para as Indústrias Têxtil, Vestuário e Moda até 2020. Porto, 2010.

Leia também…
Dez temas para o futuro das marcas

 

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Você também pode gostar de ler:

febratex 2022

07/06/2022

Audaces na Febratex 2022: como a tecnologia 4.0 vai estar presente na moda do futuro?

Escrito por Audaces

o que é cloud computing

27/05/2022

Cloud computing: o que é e como suas tecnologias auxiliam na confecção

Escrito por Audaces

just in time o que é

13/05/2022

Just in time: o que é, como funciona e como é aplicado na Indústria

Escrito por Audaces

saas o que é e como funciona

11/05/2022

SaaS: saiba como funciona o software como serviço

Escrito por Audaces

mulher ensinando o funcionamento do Audaces Supera

06/04/2022

Audaces Supera: gerenciando o processo de encaixe e eliminando desperdícios

Escrito por Audaces

empreendedora de moda com ateliê ao fundo

01/04/2022

Empreendedorismo feminino: como atuam as mulheres no fortalecimento do setor industrial?

Escrito por Audaces

vista panorâmica de grande indústria

30/03/2022

Saiba como a tecnologia tem sido aplicada no setor industrial

Escrito por Audaces

24/03/2022

Tecido crepe: conheça mais sobre ele e suas aplicações

Escrito por Audaces

Os 12 estilos de moda: caiba qual é o seu

22/03/2022

Os 7 estilos de moda universal e suas características

Escrito por Audaces

Mulher ao computador controlando operação fabril

17/03/2022

Lean manufacturing: conheça os princípios da manufatura enxuta

Escrito por Audaces

esteira de produção em uma indústria

15/03/2022

A automatização industrial no contexto das confecções 4.0 – conheça os benefícios

Escrito por Audaces

modelo em passarela

10/03/2022

Como produzir um editorial de moda – guia completo Audaces

Escrito por Audaces

robô simulando pose humana com quadro de fórmulas ao fundo

08/03/2022

O que é Machine Learning e como ele atua na Indústria 4.0

Escrito por Audaces

Audaces 30 years

03/03/2022

30 anos de Audaces: entrevista com os fundadores Claudio Grando e Ricardo Cunha

Escrito por Audaces

rolos de tecido coloridos

24/02/2022

Fibras têxteis: tudo o que você precisa saber sobre o assunto – manual Audaces

Escrito por Audaces

rosto de estátua grega com fundo preto

22/02/2022

O que é Belo? Conheça seu conceito para a arte e o mundo da moda

Escrito por Audaces

04/02/2022

O que é e qual a importância de um PCP na confecção de Moda?

Escrito por Audaces

Transformação digital

01/02/2022

Transformação digital: benefícios e impactos nas indústrias e confecções

Escrito por Audaces

roupas penduradas no cabide

31/01/2022

Tendências do ano de 2022 para o segmento têxtil

Escrito por Audaces

Mapeamento de processos

26/01/2022

A importância do mapeamento de processos para a confecção

Escrito por Audaces

Coleção de moda

26/01/2022

Saiba quais os processos envolvidos na criação de uma coleção de moda

Escrito por Audaces

Gestão do tempo

25/01/2022

Saiba como fazer uma boa gestão do tempo para alavancar resultados

Escrito por Audaces

laptop com ícones de aplicativos na tela

20/01/2022

A importância do BI para análise de dados e tomada de decisões

Escrito por Audaces

Indústria-4-0

17/01/2022

Indústria 4.0: tudo o que você precisa saber sobre o futuro da confecção

Escrito por Audaces

circuito azul e roxo

14/01/2022

O que é Big Data e como ele colabora para a Indústria 4.0

Escrito por Audaces

Inteligência Artificial

13/01/2022

IA e Moda: influência da Inteligência Artificial na Indústria Fashion

Escrito por Audaces

rolos de tecidos em fábrica têxtil

10/01/2022

5 tendências para o segmento têxtil e a indústria da moda

Escrito por Audaces

macchine taglio tessuti

07/12/2021

Sala de corte 4.0: a solução para a eficiência na etapa produtiva

Escrito por Audaces

robôs transportando estoque

12/11/2021

O que são e como funcionam as fábricas inteligentes

Escrito por Audaces

mulher tocando tela holográfica

05/11/2021

A importância do IoT para as Indústria e as Confecções 4.0

Escrito por Audaces

19/10/2021

Degradê Confecções: como a empresa cresceu 13% com as soluções Audaces

Escrito por Audaces

Chanel alta-costura outono 2018

13/07/2021

O que são as macrotendências e como elas influenciam o mundo da moda

Escrito por Audaces

sistema de transporte mais seguro e renderização 3D

28/06/2022

Manufatura avançada: saiba o que esperar do futuro da indústria 

Escrito por Audaces

Mulher escrevendo lista de inventário enquanto verifica o estoque na sala de armazenamento.

28/06/2022

Entenda o que é e como fazer o inventário de estoque da sua confecção

Escrito por Audaces