Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

17/07/2013

Profissional de design de moda na contemporaneidade

A moda vem se transformando ao longo da história e, desde o seu surgimento, conquista novos espaços. Passou de vestimenta utilizada na diferenciação de classes à massificação e aguçamento dos desejos humanos, despertando a necessidade de consumo e a afirmação da individualidade.

Trouxe a moda, o signo de personalidade e expressão, surgindo, o que chamaríamos de prêt-à-porter, a roupa pronta para usar, fabricada em escala, com diferencial e criando suas próprias tendências. Esta produção é liderada comumente por um novo profissional, o designer.

O ciclo de vida dos produtos faz com que os designers de moda, sejam mais antenados e ágeis na proposição de novidades, visto que a moda é frívola e seu produto perde conceito, características e estilo com o passar do tempo. Nesse competitivo mercado, terão espaço apenas profissionais que se mantiverem atualizados com a cultura e suas necessidades essenciais, que se referem ao social, tecnológico, ambiental e, sobretudo, ao mercadológico.

O profissional de design de moda é responsável por criar, gerenciar e pesquisar o desenvolvimento de novos produtos, além de propor soluções de mercado. E se design é tudo isso, para competir no mercado, com produto que satisfaça um desejo, é necessário ter um projeto consistente, bem estruturado e coerente. Então, design também é projeto.
 

O designer de moda pesquisa, cria e gerencia o desenvolvimento de uma coleção / Reprodução

Toda concepção de produto tem relação com design, portanto, não se excluem os produtos de moda, que por muito tempo não estavam compreendidos como tal. Assim o profissional de design de moda deve criar novas experiências e sensações capazes de transformar o universo sensível do indivíduo.

Por mais que a Alta Costura tenha se esforçado para ocultar os elos com o comércio, impondo seu status como produtora de criações únicas; seu espetáculo e sua exposição instiga no consumidor o desejo de pertencer a tal ‘mundo possível’, fomentando cada vez mais o conceito de hipermodernidade criado por Lipovetisky que expõe a obsessão moderna com o tempo, decorrência da crescente pressão temporal exercida pela sociedade.

Hipermodernidade esta que, seria marcada pelo impulso ao consumismo e à comunicação de massa em que tudo se torna hiper… hiperdimensionado, hipercapitalismo, hiperconsumo, hiperindividualismo, o que gera grandes incertezas e inseguranças diante do nosso tempo. (CASTILHO, 2006:46)

Por Ana Luiza Olivete
Designer de Moda, Professora e Consultora Empresarial

Fontes:
CASTILHO, Kathia, VILLAÇA, Nízia. O novo luxo. São Paulo: Anhembi Morumbi, 2006.
LIPOVETSKY, Gilles. Os tempos hipermodernos. São Paulo: Barcarolla, 2004.

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

Treinamentos das ferramentas da solução em sistemas para a Indústria da Moda Audaces 360

25/01/2021

Treinamentos Audaces 360: domine as ferramentas e potencialize resultados [sorteio]

Escrito por Audaces

o lado certo do tecido

21/01/2021

Como reconhecer o lado certo do tecido: aprenda a distingui-lo

Escrito por Audaces

Como ajustar o gancho da calça no Audaces Moldes

12/01/2021

Como ajustar o gancho da calça no Audaces Moldes

Escrito por Audaces