Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

10/04/2014

Franzimento da costura: tipos e como solucioná-los

O franzimento da costura é um dos principais problemas encontrados nas confecções quando o assunto é produção de peças a partir de tecidos finos ou de malhas. Em alguns casos a linha de costura é vista como a grande vilã, porém, existem diversos outros fatores que contribuem para que a união dos tecidos apresentem esse defeito. Dentre algumas das causas, pode-se apontar a estrutura do têxtil, a construção da própria costura, o tamanho da linha ou da agulha ou até problemas de alimentação, seja de ordem mecânica ou manual.

Porém, grande parte dos franzimentos que acontecem na costura é resultado de uma série de causas. Quer saber como identificá-las e como solucionar os problemas? Abaixo segue uma descrição dos principais defeitos e como resolvê-los:

Franzimento por tensão: neste caso, o franzimento da costura ocorre quando ela é realizada sob muita tensão, provocando o esticamento da linha. Assim que a tensão termina, o fio relaxa e, ao retornar ao seu estado natural, retrai a costura. Vale destacar que nem sempre o franzimento será visto logo ao finalizar a costura, em alguns casos, será visualizado apenas em uma fase posterior. Esse defeito também é conhecido como encolhimento da costura ou franzimento por relaxamento da linha.

Um teste pode auxiliar a costureira a identificar este defeito: deve-se cortar as linhas superiores e inferiores de alguns centímetros da costura delicadamente. É importante cuidar para evitar que as laçadas das linhas do tecido fiquem distorcidas. Se após essa operação o franzimento for aliviado, já tem-se a causa do problema.

Existem alguns procedimentos que podem ser realizados a fim de evitar o defeito pela tensão da linha:
– reduzir a tensão quando ela está sendo enrolada na bobinadeira;
– ajustar a tensão da linha da agulha buscando o equilíbrio. Essa mudança melhora a costurabilidade;
– opte por usar linhas de costura de boa qualidade que tenham a aplicação de lubrificante de baixa fricção;
– utilize linhas de costura de alta qualidade com enrolamentos sob tensão constante. Isso faz com que haja um fluxo suave da linha pela região da costura;
– analise se o sincronismo de alimentação da máquina de costura possui a configuração adequada. Caso esteja incorreto, pode ser aplicada grande tensão à linha da agulha.

Franzimento inerente: tecidos densos podem fazer com que haja pouco espaço para que a linha se acomode na costura sem distorcer o tecido, levando os pontos de uma linha reta a deformar-se, provocando o estiramento dos fios do têxtil. Isso cria pontos de tensão e faz com que a costura fique franzida. A gravidade depende das características do têxtil, da densidade da malha e do acabamento do tecido. Considera-se que esse defeito ocorre devido a um bloqueio estrutural ou franzimento inerente.

A identificação deste defeito pode ser feita por meio de um teste. Primeiramente, deve-se verificar se o franzimento é causado por tensão da linha. Depois desta etapa, é possível iniciar o teste de franzimento inerente: cortar e remover delicadamente os pontos em um comprimento curto da costura, depois, avaliar se ambas as faces da costura são revertidas para uma superfície lisa; se sim, o bloqueio estrutural aconteceu. Abaixo seguem alguns cuidados que podem ser tomados a fim de evitar este defeito:

– o corte e a costura quando feitos em viés faz com que a agulha desloque várias tramas de tecidos, o que reduz consideravelmente a possibilidade de ocorrer o franzimento;
– escolher adequadamente a agulha e a espessura da linha;
– reduzir a densidade do ponto, fazendo com que haja menor deslocamento do ponto;
pontos de arremate ou corrente geram menos situações de bloqueio estrutural do que o fixo.
– não use fileiras múltiplas de pontos, pois eles provocam o franzido na costura;
– antes do pesponto, use a espessura mais fina de linha para reunir as camadas.

No próximo post, serão apresentados os franzimentos por alimentação e aqueles causados por instabilidade do tecido e da linha. Acompanhe!

Fonte
Coats

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

produto-de-moda-desenvolvimento-industria-4.0-audaces

24/11/2020

Como aperfeiçoar o produto de moda com tecnologias da Indústria 4.0

Escrito por Audaces

indústria têxtil

24/11/2020

Indústria têxtil: matérias-primas podem ser naturais e químicas?

Escrito por Audaces

Listras de tinta com cores do círculo cromático

16/11/2020

O que é círculo cromático e como combinar cores na moda

Escrito por Audaces