Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

28/12/2012

Uniforme: moda, conceito, história e tendências

É curioso pensar no sentido da palavra uniforme – aquilo que só tem uma forma, que não é variante, análogo, comum de dois, uma vestimenta padronizada para determinada categoria de indivíduos, mas que nos padrões atuais de vestes e costumes busca uma tendência, uma nova cor, um tecido high-tech e, por que não dizer, uma elegância heterogênea.

Séculos atrás o uniforme representava um estilo tradicional de comportamento dividindo diversas categorias de indivíduos, formando grupos homogêneos de costumes e atitudes análogas, e até mesmo dedicado às frivolidades do cotidiano. O uniforme foi e ainda é, em nossa atualidade, um divisor hierárquico, social e profissional, esportivo, militar, entre outros.
 

Comissárias da VASP EM 1970 – Estilista Clodovil

Fonte: Reprodução

Vale à pena lembrar e reforçar que antes mesmo dos conceitos da palavra moda entrarem em vigor, a ideia de uniformizar apareceu nos exércitos e seus soldados com armaduras requintadas, e avançou com a industrialização do século XIX, época em que todos os homens ingleses adotaram o terno – calça, paletó e colete, também uma uniformização de um costume da época que virou característica de moda.

Empresas da atualidade que abraçam seus ideais e marcas que comercializam um produto ou vendem um serviço especializado adotam o aspecto de uniformizar seus funcionários com uma visão bem diferente da utilizada no passado. Hoje a procura por cores e tendências inovadoras, estampas e modelos que simbolizam ou caracterizam o produto de um cliente faz parte de uma elaboração, desenvolvimento e criação comparada a dos grandes estilistas de moda. 

 

 


Fonte: Reprodução

 

 

 

O novo caminho que o uniforme encontrou no campo do vestuário mescla-se aos conceitos de moda e sua vasta exposição de estética e beleza no vestir. A elegância, os costumes, a difusão do uniforme de uso coletivo na atualidade, que ao apresentar-se individualmente, omite a ideia de uniformização. Estilistas nacionais e internacionais renomados apresentando suas coleções embasadas no vestir uniformizado ao mesmo tempo em que tal aspecto proporciona visíveis tendências de moda e glamour.

Desde os primórdios da humanidade até os dias atuais, o uniforme passou por transformações, costumes, comportamentos, industrializou-se, aconteceu nas passarelas badaladas da Europa e Américas, e tornou-se quase ambíguo quando desconectado do sentido de coletivo, porém sem perder sua principal característica – a de uniformizar.

Na industrialização de roupas, a conexão entre moda e uniformização trouxe um aspecto particular em que o uniforme adquiriu grandes proporções, passa a ser denominado de “traje corporativo” – um mercado inovador que busca atitudes e comportamentos atuais dentro dos padrões vigentes de moda.

 

 

 

Por Roberto Rubbo
Professor de Moda do Senac FAU

 

 

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

Designers de moda analisando desenho técnico de moda

22/02/2021

O que é desenho técnico de moda e como fazer com perfeição

Escrito por Audaces

29 anos da Audaces

12/02/2021

29 anos de Audaces: do sonho à Indústria 4.0

Escrito por Audaces

Profissional da Indústria 4.0 usando tablet para verificar e controlar a máquina de braços robóticos

10/02/2021

O que é Indústria 4.0 e como ela vai revolucionar sua confecção

Escrito por Audaces