Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

26/06/2013

Por que o ser humano consome?

Saber como funciona o sistema de consumo nos faz compreender por que temos a vontade de trocar de aparelho celular mesmo quando o equipamento está funcionando bem. Também podemos compreender por que temos a “necessidade” de assistir a determinado filme, ou temos o desejo de jantar em algum lugar específico ou uma determinada marca de roupa.

Na verdade, precisamos nos sentir pertencentes a um determinado grupo e carecemos de nos distinguir de outros. Ora, todo mundo da sua turma tem um smartphone, você se conforma em ainda usar o telefone celular que nem toca música?

 

 

A busca para pertencer a um grupo leva as pessoas a consumirem para se adequar ao grupo/ Reprodução

 

 

Claro que não, mesmo que você só precise fazer e receber chamadas e mensagens de texto! Naturalmente, você sente “necessidade” de pertencer ao grupo dos smarts, e se distinguir do grupo dos “antiquados”.

Trazendo o vestuário à discussão, lembramos o que Hoeks e Post (2006) dizem: o aspecto complementar que une a moda e o vestuário fica mais evidente de ser compreendido se considerarmos as estações do ano, ou seja, com o desejo de mudar à medida que a natureza se altera em ciclos.

Nós, seres humanos, buscamos nos adaptar ao ambiente que nos cerca, seja ele alegre e florido, ensolarado e vibrante, nublado e chuvoso ou cinza e frio. Comece a reparar nas cores das roupas e acessórios lançados em cada coleção de primavera/verão ou outono/inverno e você terá a confirmação de que o ambiente (e o cenário) ao qual estamos inseridos tem um papel muito importante na nossa alteração de gosto.

Em outras palavras, a moda para ser moda precisa estar em voga, em alta, em consonância com o ambiente e o contexto. Mas o que materializa essas mudanças se torna fácil de observar nas alterações das roupas, principalmente por conta dessas mudanças climáticas relacionadas ao clima e estações do ano.

Perceba que mesmo em regiões como as tropicais, nas quais as estações do ano tem pouca variação se comparadas às regiões temperadas, há os eventos sazonais que cumprem parte dessas necessidades de mudança de vestuário, seja por meio das roupas de trabalho, de férias, de festa, etc.

 

 

 

 

As estações do ano influenciam nas cores das coleções de moda/ Reprodução

 

Ainda de acordo com os autores (Hoeks e Post 2006), enquanto a indústria do vestuário vende produtos, a indústria da moda não comercializa objetos e sim significados. Ou seja, o vestuário é tangível, se materializa, e a moda é intangível, incapaz de ser aprisionada ou apalpada. E é esta combinação que garante a satisfação das necessidades dos consumidores, sejam elas das mais diversas naturezas.

Vale lembrar que o ciclo de consumo, quando concluído, gera satisfação ou insatisfação do consumidor, e este resultado influencia os próximos ciclos do consumo, num movimento contínuo de retroalimentação do sistema.

Por Maria Alice Rocha
Doutora (Phd) em Design de Moda

Fonte
Hoeks, H. & Post, J. (2006) Fashion and Five Fashion Theoriticians. In: Brand, J. & Teunissen, J. The Power of Fashion: about design and meaning. Terra ArtEZ Press

 

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

produto-de-moda-desenvolvimento-industria-4.0-audaces

24/11/2020

Como aperfeiçoar o produto de moda com tecnologias da Indústria 4.0

Escrito por Audaces

indústria têxtil

24/11/2020

Indústria têxtil: matérias-primas podem ser naturais e químicas?

Escrito por Audaces

Listras de tinta com cores do círculo cromático

16/11/2020

O que é círculo cromático e como combinar cores na moda

Escrito por Audaces