Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

13/11/2013

Moda busca referências na arte para inovar e criar

2 min

Uma das melhores formas de pesquisar a moda e história da indumentária é usando a arte como fonte de pesquisa. Os museus, exposições e galerias são excelentes pontos de partida tanto para o processo de imersão (quando se busca inspiração), quanto no processo de criação (quando já se busca imagens, cores, formas para a criação).

Não se deve pensar que pesquisar arte na moda é frequentar apenas museus específicos de moda. A pesquisa nas pinturas, esculturas, observação de desenhos, antigos manuscritos, representações têxteis nas expressões gráficas, dão possibilidades criativas como poucas fontes são capazes de fornecer.

 

Vestido criado por Yves Saint Laurent inspirado na obra de Mondrian/ Reprodução

Um dos maiores estilistas da história da moda, Yves Saint Laurent, sabia bem do que estamos falando. Apaixonado por artes, era um colecionador incansável, que utilizava seu amor à arte como fonte de inspiração nas criações. Uma de suas coleções icônicas, foi baseada em Mondrian, nas cores primárias e formas minimalistas utilizadas pelo artista. Foi um grande sucesso porque não se concebia até aquele momento inspirações tão diretas e objetivas; mas, a criação até então, era vista como um ato de iluminação divina.

Saint Laurent ainda trouxe para a moda muitos outros artistas, desprendendo-se de um estilo artístico único, assim como não tinha apenas um estilo ao criar. Era capaz de fazer vestidos vaporosos e esvoaçantes ou um smoking com a mesma maestria. Também se inspirava em artistas tão diferentes quanto Van Gogh e Braque, e ainda assim conseguia impor seu estilo, inconfundível.

Outros estilistas também sabem que as artes são fontes de pesquisa preciosas. Mc QueenGalliano, HermèsVivienne Westwood, Albert Kriemler para a grife Akris, Ungaro, Pierre Cardin e Elza Schiaparelli são alguns nomes que desenvolveram coleções com essa fonte de inspiração.

É importante ainda ressaltar a relevância das artes plásticas para a preservação de memórias e imagens em épocas que não existiam fotografias e filmagens. O pintor James Tissot (1836-1902) é conhecido como um artista de valor inestimável para a moda. Ele pintava em cenas de festas, do cotidiano ou temas religiosos, com um extremo cuidado nos detalhes de cenário, dos trajes e adornos. Suas obras mais pareciam fotografias, dada a riqueza dos detalhes.

 

 

 

 

Peças de Yves Saint Laurente inspiradas em obra de Van Gogh/ Reprodução

Portanto, a dica para os estudiosos de moda é: ao viajar, não vá apenas às lojas e restaurantes badalados da cidade. Vá aos museus e galerias e veja porque a arte está tão ligada à moda. Ah, não esqueça seu moleskine!

Por Gabriela Maroja
Professora e Coordenadora da Graduação e Pós-Graduação em Moda no Unipê/JP

Arte inspira novas coleções de moda
Moda e indumentária: o que os artefatos de museu revelam
Museus expõem roupas como obras de arte

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

Modelo da grife Versace usando lenço na cabeça em backstage de desfile.

19/04/2021

Como usar lenço: 5 inspirações para aplicar a peça ao seu estilo

Escrito por Audaces

Digitalização de moldes

13/05/2021

Como a digitalização de moldes pode melhorar sua produção

Escrito por Audaces

Bailarina Ingrid Silva gestante

07/05/2021

Moda gestante: como as mulheres grávidas se vestiram ao longo do tempo

Escrito por Audaces

design-thinking-en-la-educacion-creatividad-audaces

06/05/2021

Como os princípios do design contribuem com a moda?

Escrito por Audaces