Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa
inteligência artificial na moda

09/06/2021

IA e Moda: influência da Inteligência Artificial na Indústria Fashion

5 min

Inteligência Artificial é um conceito relacionado à capacidade das máquinas, softwares e tecnologias de estabelecerem conexões e relacionarem informações de forma parecida à inteligência humana. No entanto, para além de um conceito teórico, a IA é uma realidade cada vez mais presente na Indústria e seus setores. 

A inteligência artificial na moda, por exemplo, pode ser vista em todas as etapas do ciclo de vida dos produtos fashion: softwares que automatizam as etapas do processo de confecção de peças e gerenciamento de coleções, a distribuição dos produtos conforme a demanda do consumidor, programas que auxiliam os consumidores durante as compras e muito mais. 

Por todos esses exemplos, além das muitas outras aplicações da tecnologia no dia a dia do setor da moda, a questão depara-se com questionamentos como: até que ponto a IA é importante para a moda do futuro? Quais são as aplicações da inteligência artificial na indústria da moda? Como integrar as soluções de IA na minha confecção? 

Para te ajudar a responder todas essas questões, o blog da Audaces preparou um conteúdo completo sobre o assunto. Continue a leitura e saiba como investir em soluções integradas para impulsionar a sua confecção e otimizá-la em todos os aspectos.

IA e Machine Learning: tudo o que você precisa saber 

De uma forma ou de outra, todos nós já entramos em contato, em algum momento, com alguma forma de inteligência artificial. Na verdade, nosso dia a dia está repleto de tecnologias, ferramentas, máquinas, gadgets e softwares que se utilizam dos mecanismos de IA para oferecer soluções desde as mais simples, como uma ferramenta de edição de textos, até as mais complexas, como uma sala de cortes integrada. 

No entanto, você sabe o real propósito da IA e para que ela serve? Para isso, é preciso entender, também, o conceito demachine learning (ML) ou, em tradução livre, aprendizado da máquina.  

Trata-se de um dos recursos inseridos dentro do conceito de inteligência artificial e significa a capacidade que determinado dispositivo tecnológico tem de mudar seu comportamento de forma autônoma com base em suas próprias experiências. 

Apesar de muito parecidos, IA e ML não são a mesma coisa. O primeiro é um conjunto de recursos que dão à tecnologia a capacidade de integrarem-se e “pensarem” de forma parecida à inteligência humana e envolve uma série de conceitos; o segundo é um recurso dentre os vários outros aplicados à IA, dentre os quais podemos citar: 

  • Rede neural: ainda mais específica que o ML, a rede neural é um recurso que conecta unidades (dispositivos e máquinas), chamadas de neurônios, a uma rede de processamento de informações intercambiáveis; 
  • Deep learning: esse recurso (aprendizado profundo, em tradução) utiliza-se das informações da rede neural para entender padrões complexos dentro de uma grande quantidade de dados. Exemplos de deep learning são os reconhecimentos de voz, facial e até mesmo o entendimento sobre novas tendências fashion; 
  • Computer vision: é a área da IA por trás do entendimento de dados dinâmicos e imagens complexas, como vídeos, permitindo que o computador “veja”; 
  • Processamento da linguagem natural (NLP): comum em softwares que exigem a interação e a síntese de voz, o NLP (natural language processing) permite que as máquinas “falem”, por meio do processamento e decodificação da linguagem humana. 

Sabemos que o uso da inteligência artificial na indústria trouxe muitos benefícios e avanços para seus diversos setores, mas como, exatamente, a IA tem influenciado a indústria da moda? E, mais especificamente, como os donos de confecções podem utilizar-se desse recurso para impulsionar sua produção?

Sala de corte automatizada Audaces  com inteligência artificial e sistema ciberfísico.
Sala de corte Audaces: automatizada e inteligente.

Automação na Moda: conheça as aplicações e seus benefícios

Respondendo às perguntas anteriores: a inteligência artificial na moda, ou melhor, o uso de máquinas e programas baseados em IA no setor fashion está ligado ao uso dessas tecnologias na própria indústria têxtil e, por extensão, à confecção de peças e elaboração de confecções. 

Das últimas décadas, a maneira de se pensar e executar uma coleção, entender as tendências atuais (e prever as futuras), bem como o público ao qual ela será destinada, o processo de compra e escolha pelo consumidor final — em tudo isso há tecnologia, machine e deep learning e os outros recursos da inteligência artificial. 

Com todos esses recursos em mãos, o setor da moda vem crescendo consideravelmente, uma vez que é voltado para uma necessidade básica (a de vestir-se), sem deixar de lado as influências das tendências e os padrões estéticos que norteiam cada coleção e incorporando tecnologias cujas principais aplicações são:

1. Previsibilidade de tendências 

Já sabemos que por meio do deep learning é possível entender padrões complexos dentro de um banco de dados muito grande. Dados do comportamento humano, como os de consumo e interesse servem de base para um dos principais benefícios da IA na moda, a capacidade de prever tendências

O resultado disso são coleções mais próximas dos interesses de compras dos usuários, aumentando as vendas e a lucratividade das coleções. 

2. Automação industrial 

O conceito de Fashion PLM, ou seja, o conjunto de ferramentas integradas para o gerenciamento do ciclo de vida de um produto, está muito atrelado à utilização da IA. Isso porque são os recursos tecnológicos aplicados à moda que garantem, por exemplo, que os softwares de gerenciamento coletem e disponibilizem os dados de todos os setores em um único banco de dados. 

Além disso, a automação não acontece somente na área dos softwares. Máquinas como ferramentas de modelagem e corte automatizado já são capazes de utilizar o machine learning para evitar desperdícios e garantir uma produção mais sustentável. 

Para todos os âmbitos da confecção, seja na criação, modelagem, confecção e finalização existem soluções modernas e tecnológicas para te auxiliar tanto no processo de integração com a Indústria 4.0 — sobre a qual já falamos aqui no blog — quanto na otimização da performance do seu negócio. 

3. Gerenciamento da cadeia produtiva 

Gestores sabem que, muitas vezes, a não-integração entre setores é um dos principais motivos de falha na gestão. Da mesma forma, o gerenciamento de pessoas e coleções de moda é complexo e exige ferramentas e táticas específicas para o seu sucesso. 

Nesse sentido, a inteligência artificial contribui para o direcionamento das informações e também para o entendimento de padrões como custos, tempo de produção, dispêndio por peça e outras métricas que são fundamentais para uma boa gestão.

Por que investir em IA na minha confecção? 

As soluções em inteligência artificial aplicadas à moda são não somente o que há de mais moderno e tecnológico no setor, como também representam a chamada moda do futuro, que mescla sustentabilidade, consciência ambiental e tecnologia para construir um segmento fashion que atenda tanto às necessidades dos consumidores quanto às do meio ambiente. 

Aqui no blog Audaces você encontra todas as informações necessárias sobre as novas tendências no universo da Moda e da Gestão. Assine nossa newsletter e não perca nenhuma atualização!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

gestão da confecção

14/06/2021

Dicas fundamentais para uma boa administração em confecções de roupas

Escrito por Audaces

Horst P Horst Lingerie 1939

11/06/2021

Lingerie: dos primórdios ao Espartilho

Escrito por Audaces

inteligência artificial na moda

09/06/2021

IA e Moda: influência da Inteligência Artificial na Indústria Fashion

Escrito por Audaces